goddess amadahy breaks her stripper lance hart pegging ballbusting scissor. click here to investigate youjizz

Conheça algumas tendências tecnológicas para o setor de frigoríficos

http://anybunnytv.com/

Conheça algumas tendências tecnológicas para o setor de frigoríficos

Conheça algumas tendências tecnológicas para o setor de frigoríficos

O Brasil se tornou um dos países com a maior criação de gado do mundo, sendo resultado de um longo período de investimentos tanto em pastos com qualidade de irrigação e alimentação aos animais quanto nos cuidados com o manuseio e na hora do abate. Tudo para garantir a qualidade que, hoje, é mundialmente reconhecida.

No entanto, nos últimos anos, o que tem chamado a atenção é a evolução tecnológica em todos os setores produtivos, inclusive no setor de frigoríficos. Com a tecnologia caminhando a passos largos rumo à automação industrial, é justamente este o momento de conhecer as tendências tecnológicas que poderão transformar esse mercado. Confira!

Como aproveitar a onda da tecnologia para adaptar o seu frigorífico

O rebanho comercial brasileiro representa 22,6% do total da produção mundial, o que significa que, em solo tupiniquim, há oportunidades para aqueles que precisam e querem investir em aprimoramento tecnológico.

Aliando mão de obra barata, extenso território, alimentação farta e o reconhecimento dos demais produtores de carne, foi na década de 1990 que a inovação começou a se fazer ainda mais necessária. No passado, doenças e o mal cuidado com os animais transformaram o modo de enxergar a pecuária nacional.

É por isso, dentre outros motivos, que a adoção da inovação tecnológica no setor frigorífico é fundamental para gerar maneiras mais responsáveis e otimizada de produzir e comercializar carne no país.

Para ajudá-lo nesta tarefa, acompanhe a seguir algumas tendências tecnológicas para os próximos anos no setor de frigoríficos.

1. Software de gestão

Não há como negar, sobretudo diante do cenário apresentado, que as novas tecnologias devem ser aproveitadas, pois acrescentam valor ao negócio. Muito utilizado em indústrias e outros setores produtivos, os frigoríficos começam a adotar o software de gestão na administração de seu negócio.

Com ele, é possível controlar toda a produção, logística, rastreabilidade, falhas e análise de dados de toda a cadeia bovina, passando pela carne e pelo leite e chegando até mesmo à análise genética.

O software de gestão, aliás, se estende a questões ambientais, o que é uma solução emergencial para os problemas relacionados à expansão do descontrole da natureza diante do avanço do homem em questões de poluentes e desmatamento.

2. Biodigestor

Hoje, o mercado acena para um consumo mais consciente e sustentável, que promova a preservação do meio ambiente. Pensando nisso, o biodigestor se torna uma solução para produzir energia, gás e fertilizante, de forma sustentável e totalmente renovável.

Normalmente, o biodigestor é um equipamento que é alimentado com restos de alimentos e fezes de animais, acrescidos de água. Esses detritos entram em decomposição, fazendo com que o material orgânico se transforme em metano, podendo ser utilizado como combustível para gerar energia, por exemplo. O material sólido que resta no biodigestor pode ser reaproveitado como fertilizante.

O aparelho é facilmente construído artesanalmente ou comprado pronto no mercado. O seu uso gera um importante fator de economia com energia e adubação para o empresário.

3. Inseminação artificial

A Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF) tem sido uma das tecnologias que mais geram impacto na produção, com um nível de adoção muito rápido em pouco tempo.

Os benefícios são muitos. A técnica permite promover o melhoramento genético, além de favorecer a seleção e a organização dos manejos. Os riscos são minimizados, concentrando-se ainda mais as concepções e melhorando o retorno financeiro.

No entanto, cada caso é um caso. O empresário precisa avaliar se o seu frigorífico possui a infraestrutura necessária para os procedimentos e se há volume de produção para investir na aquisição de insumos e na contratação de mão de obra especializada.

4. Genômica

Nos últimos anos, as pesquisas com sequenciamento do DNA têm possibilitado que geneticistas retirem ou adicionem particularidades de um animal (ou raça) para qualquer outro indivíduo do mesmo tipo.

Algumas técnicas de “edição gênica” têm sido testadas para criar animais imunes à febre aftosa ou produzir uma raça bovina sem chifres, evitando o desgaste com a descorna dos bezerros, por exemplo.

No futuro, a técnica será a solução para muitos dos problemas que a pecuária mundial enfrenta, além de promover o bem-estar do animal no sistema produtivo.

5. Automação industrial

A quarta revolução industrial também está chegando aos frigoríficos. Com a promessa de integração de máquinas, softwares e pessoas, criando sistemas flexíveis e adaptativos de produção, a automação tem se tornado cada vez mais comum em uma indústria que busca alcançar novos mercados.

 

A automação é vista como a solução para diversos problemas que a indústria enfrenta. Ao substituir a mão de obra por máquinas, reduz-se os custos com pausas na produção, os erros e as perdas decorrentes de falhas humanas, bem como o risco de contaminação do produto.

Também percebe-se uma redução no custo com energia, principalmente na indústria de refrigerados. Em torno de 70% de todo o consumo energético é decorrente do uso de compressores de salas de refrigeração.

O uso de máquinas poderia deixar a linha de produção menor, demandando menos consumo com refrigeração. Dessa forma, muitas vezes o investimento em automação compensa o que será economizado com energia.

Esses benefícios são vistos imediatamente após a sua implantação, desde os gestores, passando pelos funcionários e também pelos consumidores. Isso agrega mais qualidade ao produto e torna o frigorífico mais competitivo.

Seja por meio do software ou de outras ferramentas relacionadas ao setor frigorífico, é necessário abrir os olhos para o que a tecnologia já criou e coloca à disposição do mercado.

Ficar atento, portanto, é regra neste momento econômico, pois a necessidade de mudança e, sobretudo, inovação vem nos momentos de crise. As tendências tecnológicas oferecem soluções até há pouco tempo inimagináveis, é por isso que o setor de frigoríficos só tem a ganhar ao adaptar-se às necessidades do mercado de atuação e, é claro, do consumidor.

E você, conhece outras tendências tecnológicas do setor de frigoríficos? Compartilhe sua mensagem nos comentários e continue acompanhando nosso blog para mais novidades do setor. Até a próxima!

Deixe uma resposta

malayalam