goddess amadahy breaks her stripper lance hart pegging ballbusting scissor. click here to investigate youjizz

Gestão de custos: como otimizá-la em seu frigorífico?

http://anybunnytv.com/

Gestão de custos: como otimizá-la em seu frigorífico?

 

Gestão de custos: como otimizá-la em seu frigorífico?

A gestão de custos de um frigorífico é bem-feita quando percebe-se um conhecimento profundo do tema por parte de quem está responsável por essa atividade. Essa gestão precisa passar por três pilares muito importantes: redução de custos, aumento da produtividade e garantia de satisfação do cliente.

Para conquistar essas três metas, há um longo caminho pela frente. Primeiramente, é preciso que o gestor possua um conhecimento amplo da empresa e, posteriormente, busque o equilíbrio na balança entre gastos e receitas, a fim de se manter cada vez mais eficiente e competitivo no mercado.

Nesse sentido, cabe ressaltar a importância de o gestor ficar atento ao significado nos números, tendo em vista que um faturamento alto, por exemplo, nem sempre significa uma boa saúde financeira do frigorífico, pois os altos números podem dizer respeito a um determinado produto que tenha um custo alto de produção – ou seja, na hora de comparar faturamento x lucro, o primeiro pode parecer alto e o segundo ser inversamente proporcional, sendo muito baixo devido ao custo de produção do item que está no topo das vendas.

Em casos como esse, o risco para o frigorífico é bastante alto, pois ele pode vir acompanhado de uma data específica – como, por exemplo, no caso dos frigoríficos, a venda de aves natalinas, e ao passar esse período, o que parecia ser positivo torna-se negativo. Se não houver uma gestão de custos bem-estruturada o cenário citado pode, muitas vezes, significar a derrocada do frigorífico.

Por esse motivo, é preciso quando se faz a gestão de custos, trabalhar com planejamento e controle do orçamento, pois, dessa forma, será possível prever despesas e reduzir as possibilidades de extrapolar o orçamento. Entretanto o planejamento, para que seja bem realizado, passa por etapas como as que veremos a seguir.

  • 1. Tenha controle dos gastos

Para um planejamento eficiente, é preciso ter o controle de toda e qualquer despesa, sem deixar que nada passe despercebido, pois tudo faz diferença no final do mês. E, para que isso aconteça com êxito, é inevitável uma gestão de custos eficaz.

Passa também por esse controle a contenção de gastos. Ao controlar, você saberá se o frigorífico está gastando demais em algum ponto e, dessa forma, será mais fácil de cortar custos desnecessários.

  • 2. Gerencie o estoque

Assim como o controle do que entra em termos de dinheiro e do que sai, a gestão do estoque é fundamental para uma boa gestão de custos – afinal, o que está em estoque é o que já foi investido e, por isso, a sua importância.

Com isso, vê-se fundamental que, antes de fazer algum pedido para determinado fornecedor, seja feita uma análise de estoque para que não se invista em algo que já tem o suficiente na indústria.

  • 3. Avalie seus fornecedores

Os fornecedores são peças muito importantes quando se fala em gestão de custos. Por isso, priorize aqueles com preços atrativos, ótimo prazo de entrega, com boas condições de pagamento e que entreguem materiais de qualidade.

Como você faz a gestão de custos do seu frigorífico? Compartilhe a sua experiência nos comentários. Até a próxima!

Deixe uma resposta

malayalam